Universo Piauí Publicidade 1200x90
09/04/2022 às 10h03min - Atualizada em 09/04/2022 às 10h02min

Trabalhadores decidem manter greve no transporte público de Teresina

Motoristas e cobradores se reuniram em assembleia na sexta-feira (08) e resolveram seguir com o movimento

RTV Cris Sekeff - rtvcrissekeff.com.br
Divulgação

Para discutirem proposta do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros de Teresina (Setut) e da Prefeitura da capital, motoristas e cobradores de ônibus se reuniram em assembleia na sexta-feira (8). A categoria decidiu manter o movimento paredista por considerar conflitantes alguns pontos da tentativa de acordo.

"Os empresários propuseram 80% dos veículos em condições normais e os demais 20% da frota apenas com motoristas, sem cobradores, fato que culminaria com a demissão de vários profissionais e ainda provocaria uma sobrecarga de trabalho aos motoristas", diz a nota do sindicato.

Na reunião teve também a aprovação da proposta salarial feita pelo Setut, em que o motorista receberia R$ 2 mil, o cobrador R$ 1.231 mil e o fiscal R$ 1.325 mil, além de um  tíquet-alimentação de R$ 150 e um auxílio saúde de R$ 50. 

Com a recusa na proposta de 20% da frota ser sem cobrador, o sindicato mandou outra para que seja avaliada e o acordo seja fechado.

RTV Cris Sekeff, com informações do Piauí Hoje


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://universopiaui.com/.
Fale pelo Whatsapp
Obrigado por acessar nossa página.
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp